Passar para o Conteúdo Principal

logotipo Museu Neorealismo

Julião Sarmento faleceu hoje, em Lisboa

Foto juliao sarmento 20081 1 600 839
04 Mai 2021

Tinha 72 anos

Julião Sarmento nasceu a 4 de novembro de 1948 em Lisboa. Após passar por Londres, estudou pintura e arquitetura na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa, tendo iniciado a sua carreira como artista plástico nos anos 70.

Autor de uma obra multifacetada, passou pela figuração e pelas práticas pós-conceptuais, nomeadamente a fotografia, o vídeo e som, mas ficou conhecido sobretudo como pintor, estando conotado com o “regresso à pintura” a partir dos anos 80.

É um dos artistas plásticos portugueses com maior projeção internacional, estando representado em coleções públicas e privadas na Europa, América e Japão. O seu trabalho foi amplamente exibido em exposições individuais e coletivas um pouco por todo mundo, tendo representado Portugal na Bienal de Veneza em 1997 e sido alvo de uma exposição na Tate Modern em 2011.

No ano passado Julião Sarmento editou o livro de fotografia Café Bissau, que reúne imagens captadas entre 1964 e 2017.

Em 2008 o artista, que teve uma ligação à Sociedade Cooperativa de Gravadores Portugueses, participou, ao lado de Júlio Pomar, na Sessão evocativa da Gravura que o Museu do Neo-Realismo organizou no âmbito da exposição A DOCE E ÁCIDA INCISÃO. A Gravura em contexto (1956-2004), e que hoje recordamos.