Passar para o Conteúdo Principal

logotipo Museu Neorealismo

Fotografia, etnografia e neorrealismo

Img 1 600 839
13 Out 2018

Colóquio

Realiza-se no próximo dia 13 de outubro, pelas 16h00, o colóquio “Fotografia, etnografia e neorrealismo”, com as presenças de Filipe Reis, de Rodrigo Lacerda e de Emiliano Dantas.

O Colóquio será precedido de visita guiada à exposição.

Esta sessão integra-se na programação paralela da exposição "Entre o MATO e a ROÇA", fotografia de Emiliano Dantas, com curadoria de Emiliano Dantas, Helena Seita e Fernando Marques.

Rodrigo Lacerda é antropólogo e realizador. É investigador no Centro em Rede de Investigação em Antropologia (CRIA) e coordenador do Núcleo de Antropologia Visual e da Arte (NAVA), que organiza anualmente a FACA – Festa de Antropologia, Cinema e Arte. Foi professor assistente convidado da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH NOVA) de 2017 a 2018. O seu doutoramento é sobre as relações entre cinema indígena e património no Brasil.

Filipe Reis É doutorado em Antropologia e professor auxiliar no Departamento de Antropologia do ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa. Foi membro da direção do Centro de Estudos de Antropologia Social (CEAS) e membro fundador do CRIA, tendo pertencido à sua direção até 2012. É colaborador do jornal “A Página da Educação” e membro do conselho científico da revista “Comunicação Pública”. Coordena atualmente (com Paulo Raposo) um seminário de Media & Performance no ISCTE-IUL, universidade onde tem desempenhado outras funções académicas de coordenação, nomeadamente do mestrado em Antropologia. Realizou várias investigações em Portugal, trabalhando sobre temáticas como as aprendizagens na infância, o jogo infantil, a escolarização ou a literacia e, mais recentemente, investiga na área dos estudos de media e tecnologia, em particular rádio e tecnologias móveis. Participou em 1999 na Media Anthropology Summer School realizada em Hamburgo e faz parte da EASA Media Anthropology Network. Foi professor cooperante em 2000 na Universidade Eduardo Mondlane (Maputo) e professor em regime de permuta na UFSC (Brasil) em 2009. Tem publicado os resultados em livros e outras publicações. Desempenha atualmente as funções de diretor da Escola de Ciências Sociais e Humanas do ISCTE-IUL.

Entrada livre (limitada à lotação da sala).

Img 1 600 839