Passar para o Conteúdo Principal

logotipo Museu Neorealismo

Chuva É Cantoria Na Aldeia Dos Mortos

20181017 chuva e cantoria na aldeia dos mortos papo de cinema 3 1 600 839
22 Mar 2019

Ciclo de Cinema Realismos Contemporâneos

Ciclo de Cinema Realismos Contemporâneos.

Filme "Chuva É Cantoria Na Aldeia Dos Mortos", de João Salaviza e Renée Nader Messora.

“Ihjãc, quinze anos, tem pesadelos desde que perdeu o pai. Ele é um índio Krahô, do Norte do Brasil. Ihjãc avança na escuridão com o corpo suado. Uma voz distante ecoa por entre as palmeiras. A voz do pai chama-o, junto à cascata: chegou o momento de preparar a sua festa de fim de luto para que o espírito possa partir para a aldeia dos mortos. Rejeitando o seu dever e para escapar do processo de se transformar em xamã, Ihjãc foge para a cidade de Itacajá. Longe do seu povo e da sua cultura, vai enfrentar a realidade de ser um indígena no Brasil contemporâneo.”

  • Realizadores
    • João Salaviza, Renée Nader
  • Produção
    • Karõ Filmes
  • Guião
    • João Salaviza, Renée Nader Messora
  • Actores
    • Henrique Ihjãc Krahô, Raene Kôtô Krahô e os habitantes da aldeia Pedra Branca - Terra Indígena Krahô
  • Fotografia
    • Renée Nader Messora
  • Montagem
    • João Salaviza, Renée Nader Messora, Edgar Feldman
  • Produtor
    • João Salaviza, Renée Nader Messora, Ricardo Alves Jr., Thiago Macêdo Correia
  • Coprodução
    • Entre Filmes (Brasil), Material Bruto (Brasil)
  • Financiamento
    • ICA, ANCINE
  • Duração
    • 114'3''