Passar para o Conteúdo Principal

logotipo Museu Neorealismo

Encontros e Desencontros com o Neo-Realismo - com Carlos Coutinho

Encontros e desencontros carlos coutinho 1 600 839
23 Jan 2010

imagem

Convidado: Carlos Coutinho

Escritor, jornalista, Carlos Alberto da Silva Coutinho nasceu em 1943. Mobilizado para a guerra colonial, passou dois anos em Moçambique como enfermeiro militar de Neuropsiquiatria.
Muito empenhado no combate político, participou num movimento espontâneo e nunca articulado de criadores de cantigas de protesto que esteve na origem do “Cancioneiro do Niassa”.
Regressado a Lisboa em 1969, enveredou pelo jornalismo e integrou-se mais profundamente na luta política contra o regime e a guerra colonial, vindo a ser preso em Fevereiro de 1973.
Foi libertado em 26 de Abril de 1974, com a Revolução dos Cravos, tendo retomado a sua carreira jornalística em paralelo com uma actividade literária diversificada, de onde se destacam as novelas “Uma noite na guerra” e “O que agora me inquieta”, para além de diversas peças de teatro e de textos na área do jornalismo.